Busca:

Índices gerais de Inflação no Brasil do mês de Setembro 2011


O Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) variou 0,43% no trimestre encerrado em agosto, ante 1,12% naquele finalizado em maio, evolução decorrente de reduções nas variações trimestrais do Índice de Preços ao Consumidor (IPC) e do Índice Nacional da Construção Civil (INCC), e de expansão na relativa ao Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA).

IGPSET11

O IPA cresceu 0,44%, ante 0,22% no trimestre finalizado em maio, refletindo aumentos de 0,21% nos preços agrícolas e de 0,52% nos preços industriais, que haviam registrado variações respectivas de -2,79% e 1,33% no período encerrado em maio.

A evolução dos preços no segmento industrial esteve associada, em grande parte, à menor alta registrada no segmento minerais metálicos e aos recuos nos segmentos metalurgia básica, produtos de metal e produtos químicos, enquanto a mudança na dinâmica dos preços agrícolas foi determinada, em grande parte, pelos aumentos nos preços dos itens soja, arroz, suínos e aves.

O IPC variou 0,18% no trimestre encerrado em agosto, ante 2,18% naquele terminado em maio. Ressaltem se, no período, as retrações de preços nos segmentos alimentação, evidenciando reduções nos itens arroz, feijão, hortaliças e legumes, frutas e aves e ovos, e nos transportes, influenciada por decréscimos de preços nos itens gasolina e álcool.

O INCC registrou aumentou 0,96% no trimestre, ante 4,48% de março a maio, reflexo de desacelerações nos custos da mão de obra, de 7,71% para 0,99%, e nos preços dos materiais e serviços, de 1,43% para 0,90%.

O IGP-DI aumentou 3,52% nos oito primeiros meses do ano e 7,81% no período de doze meses encerrado em agosto. O indicador havia acumulado variação de 6,87% de janeiro a agosto de 2010.

Post Relacionados

Sem comentários

RSS de comentários. TrackBack URI

Deixe um comentário

XHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Condiciones de uso de los contenidos | Responsabilidad

| Canal Brasil