Busca:

Etiqueta Arquivos: Inflação 2010

Brasil prevê custos significativos para frear a inflação.


O Banco Central disse que o custo necessário de voltar o índice de inflação para a trajetória desejada pode ser significativo. O Banco Central do Brasil, disse que o custo de voltar o índice de inflação crescente para a meta preestabelecida pelo governo pode ser significativo.

Os preços ao consumidor vão aumentar um 5,2% em 2010 e um 4,9% em 2011, em comparação com um 4,3% em 2009, disse o banco no seu informe trimensal divulgado hoje no seu portal na internet. A inflação anual, que aumentou para 4,83% em fevereiro, já se acha por cima da meta do banco central que e de um 4,5%.

O custo necessário para voltar a inflação na trajetória desejada, pode ser significativo, falou o banco no seu informe “a recuperação dos preços das matérias primas e a recuperação empinada do nível de atividade interna tem chegado a se comportar como importantes fatores de risco para os preços”

 

Mais

A Inflação não esta sendo causada pelo aumento de demanda de bens e serviços


Apos uma analise feita em conjunto com a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), o Ministro da Fazenda Guido Mantegna declarou que a inflação que esta se apresentando não e causada pela pressão da demanda industrial de bens.

O ministro falou que a indústria desde 2009 vem com capacidade ociosa na produção, mas nem por isso parou o grau de investimento para se ampliar. Não há nenhuma dificuldade para atender a demanda segundo a Fiesp, então não e possível jogar a culpa para cima do setor industrial, porque de fato não tem nada a ver.

Falou também no respeito a taxa referencial de juros TR, dirigida pelo Banco Central. O  ministro diz que aumentar a taxa, trará de mãos dadas um aumento do gasto público, e que isso correria em direção oposta das mudanças que se querem para que a economia seja capaz de controlar mais independentemente a taxa de inflação. Mais

As projeçoes da Inflação e o que realmente acontece com ela


A inflação e um aumento contínuo de preços (bens, serviços, salarios, etc), que se expressa pelo valor do IPCA.

A inflação no Brasil, vem provocando alguns sufocos momentaneos, quando e puxada para niveis altos, e ate parece que nao vai mais parar, mas logo se estanca e volta atras, fruto de uma serie de medidas tomadas na hora certa pelo governo.

O indice subiu de forma constante no segundo semestre de 2007, chegando aos 6,41% chegando em outubro de 2008, e desde essa data, vem se retraíndo lentamente, mas de forma contínua, o que é bom sinal. Mais